madonna
A cantora norte-americana Madonna (FOTO: Reprodução)

Madonna resolveu se manifestar sobre sobre as acusações de pedofilia contra Michael Jackson. O delicado assunto voltou à tona neste ano, por causa do polêmico documentário “Leaving Neverland”, com depoimentos inéditos das supostas vítimas Wade Robson e James Safechuck, que supostamente foram abusadas pelo cantor quando eram crianças.

A cantora revelou à revista Vogue que ainda não assistiu ao filme, mas afirmou que esse tipo de situação deve ser avaliada com muito cuidado. “Eu não tenho essa mentalidade de linchamento. Tive mil acusações feitas contra mim que não são verdadeiras. Então penso que as pessoas são inocentes até que se prove sua culpa” revelou.

Para Madonna, que já admitiu ter tido um caso com o cantor, esse tipo de acusação pode ainda esconder outros interesses. “É claro, as pessoas às vezes mentem. Sempre digo, o que as pessoas querem? Qual a agenda? Há pessoas pedindo dinheiro, existe algum tipo de extorsão? Eu levaria tudo isso em consideração”, revelou.

VEJA TAMBÉM: Kisses de Anitta completa um mês em parada latina dos EUA

Vale lembrar que um mês após a estreia de Leaving Neverland, a família do cantor resolveu rebater as declarações produzindo uma outra obra.

A família Jackson apresentou, o documentário “Neverland Firsthand: Investigating the Michael Jackson documentary”. Com 30 minutos de duração, o média metragem tem o objetivo de manter preservada a imagem e o legado do astro pop e assim transformar as acusações sobre o cantor em meras declarações infundadas. Recentemente outra artista que saiu em defesa de Michael Jackson foi a atriz e cantora Barbra Streisand.