beyoncé
A cantora norte-americana Beyoncé (FOTO: Reprodução)

O remake de O Rei Leão, realizado pela Disney, já foi visto por diversos críticos de cinema nos Estados Unidos. Faltando uma semana para a estreia, o longa inspirado no desenho de 1994 parece não ter empolgado muitos especialistas da sétima arte. E o desencanto com o filme parece ter respingado no elenco encabeçado por Beyoncé e Donald Glover.

Bilge Ebiri, do site Vulture, afirmou que o filme “parece com um inusitado documentário sobre o mundo animal”. Sobre a performance de Donald Glover como Simba na fase adulta, o especialista sugeriu que faltou emoção na interpretação declarando que no filme é possível sentir uma distância entre seu personagem e sua voz. O crítico compara o novo filme da Disney com a narrativa de documentários sobre a vida selvagem animal e questiona se era realmente isto que os espectadores estariam procurando.

VEJA TAMBÉM: Anitta revela que tem parceria “que não dá pra acreditar” para ser lançada

Sobre a performance de Beyoncé, o crítico fez uma afirmação similar: “Como Nala, Beyoncé sofre um destino semelhante. O leão falante pode parecer realista, mas quando ouvimos seu diálogo, tudo o que vemos é Beyoncé em uma cabine de gravação, lendo linhas.”

O crítico também avaliou que o filme da Disney “é um forte lembrete do que pode ser realizado com todo o talento (e dinheiro) do mundo” e também afirmou que o longa traz a “lição do que pode acontecer quando não há uma visão para ligar tudo isso“.

Um bom indicativo sobre como o filme vem sendo recebido de maneira fria é a nota média dos sites Rotten Tomatoes e Metacritic, que reúnem opiniões e avaliações dos principais nomes da imprensa cultural dos EUA. No primeiro, a aprovação parou em 57% até a publicação desta matéria. No segundo, o filme atraiu 55 de 100 pontos possíveis.

Com direção de Jon Favreau o novo “O Rei Leão”, estreia no Brasil em 18 de julho, um dia antes do lançamento nos Estados Unidos.