A cantora Lia Clark acaba de lançar mais um mega videoclipe em sua carreira. A aposta da vez é “Terremoto”, feat. com Gloria Groove – dona dos hits “Coisa Boa” e “YoYo”. Dirigido por Felipe Sassi, queridinho das popstars atuais, o projeto mostra Lia e Gloria numa eletrizante e sensual aventura numa periferia paulistana. Em entrevista ao Observatório de Música, Lia Clark nos dá detalhes de todo o processo de criação de “Terremoto” e comenta a parceria com Gloria. Confira:

VEJA TAMBÉM: Briga de Anitta e Ludmilla pode ir parar na Justiça

“Terremoto” me lembrou bastante de “Coisa Boa” da Gloria Groove. A batida frenética que não para por um segundo e refrões marcantes. De quem é a composição e produção da faixa?

LIA: Terremoto é uma faixa que está no meu album É Da Pista, lançado no ano passado. A música é uma composição do Ruxell, Pabllo Bispo, Sergio Santos, Kika Boom, Pedrowl e Gloria Groove.

“Terremoto” é o segundo single lançado por você em 2019, certo? O seu novo álbum de estúdio sai anda neste ano?

LIA: Eu não vou lançar o próximo álbum de estúdio esse ano, mas tenho umas surpresinhas a caminho pra esse ano ainda.

Desde “Chifrudo” com Pepita você vem lançando músicas que se consagraram no universo underground, você não tem o intuito de lançar musicas radiofônicas ou a sua arte tem o intuito de provocar e utilizar palavras “nem sempre usadas” pelos demais?

LIA: Meu intuito é fazer da minha arte uma extensão do que eu sou, da minha personalidade. Então sempre vou fazer músicas alegres, despretensiosas porque pra mim, o público que busca meu trabalho quer se divertir e pra isso acredito que não devo me preocupar se o trabalho vai para a rádio ou se vai provocar qualquer coisa, é apenas música pra se divertir e ser leve.

De quem surgiu a ideia de transformar “Terremoto” numa sequência audiovisual de “YoYo” de Gloria e Iza?

LIA: A ideia de interligar os clipes é do diretor Felipe Sassi, e surgiu desde de Bumbum no Ar (meu single com a Wanessa, que tbm é do É da Pista). Desde então o Sassi deu um jeito de interligar Coisa Boa, Loko e Yoyo e agora Terremoto dando um “final” para a sequência.

Você participa do processo de criação dos seus videoclipes? Qual é a sua relação na hora de dar vida as faixas que canta?

LIA: Total! Eu sou completamente apaixonada por fazer clipes e faço questão de estar ligada ao projeto de todas as formas.

Qual das faixas lançadas até então será a sua aposta pro carnaval, Terremoto ou Taca Raba?

LIA: Acho que estamos longe ainda do carnaval para fazer apostas (risos). Mas pretendo ter novidades até lá.