valesca popozuda
A cantora Valesca Popozuda (FOTO: Divulgação)

Depois de se transformar em fada madrinha e mergulhar no mundo imaginário dos contos, em seu último trabalho, Valesca Popozuda lança, nesta quinta-feira (14), “Furduncinho” em todas as plataformas digitais.

A música de composição de Wallace Vianna, André Vieira, Pedro Breder, Tállia e Romeu R3,  tem ritmo envolvente, letra empoderada e traz uma homenagem ao rei do funk, Catra. Segundo Valesca, “Catra era o rei do furduncinho e faz muita falta por aqui. Sempre tive muito respeito e gratidão a ele, então essa é mais uma homenagem minha ao rei do funk, que sempre estará presente nas minhas músicas, no meu coração”.

Com um beat contagiante, “Furduncinho” traz de fato uma batida pesada e nos faz relembrar da época de oura da Gaiola das Popozudas. A faixa já está disponível em todas as plataformas digitais e conta com um lyric video no Youtube.

Em entrevista ao Observatório de Música, Valesca Popozuda celebra o lançamento do novo single e dá detalhes da produção e reunião com a família de Catra. Confira:

– Valesca, “Furduncinho” é o seu som mais “proibidão” desde “Meu Ex” da Ludmilla. Esse é o estilo de musica que realmente gosta de fazer? O pop nunca foi a sua praia, né?

VALESCA POPOZUDA: “Sim é verdade! Eu amo o funk de raiz, eu amo o batidão e o proibidão. Mas eu sempre lanço duas versões, uma explícita e a outra light. Só em 2019 eu lancei um EP no início do ano, o “De Volta para Gaiola”, soltei “Meu Ex” que foi escrito pela Ludmilla, o “Fada Madrinha” que tinha uma pegada mais pop porque esse é um ritmo o qual eu já bebi da fonte também. E agora consegui voltar ao estúdio com os meninos do HitMakers pra soltar “Furduncinho” que é muito a nossa cara. Eles estão comigo desde “Beijinho no Ombro”, fizemos “Sou Dessas” e “Pimenta”, depois disso cada um seguir numa caminhada mas sempre mantivemos o contato, sabe. Então “Furduncinho” marca o nosso retorno também”.

– Por falar em Ludmilla e a faixa “Meu Ex”, existe a possibilidade de nós vermos vocês juntas num feat. pro proximo ano ou cantando uma nova composição dela ?

“Eu adoraria, nossa seria um sonho! Eu amo a Ludmilla, nós nos falamos sempre que possível e eu a admiro não só como cantora mas como mulher, também. Eu admiro a Lud como pessoa, sabe. Vamos jogar juntos ao Universo. Quem sabe acontece né… seria um sonho realizado conseguir lançar uma música com a Ludmilla!”


-Quem decidiu usar a saudosa e memorável risada do MR Catra em Furduncinho? Como é que funciona isso? A família do falecido precisou ser avisada e consultada? 

Sim, claro. Eu conversei com a Sylvia (esposa do Catra). Nós almoçamos juntas e eu mostrei “Furduncinho” para ela e disse: “Nossa, essa música é incrível, muito boa e eu acho que é também a cara do Negão”, e automaticamente a esposa dele me disse que estaria liberado! Ela me deu um sim na hora e disse: “Valesca, pra você, está sempre tudo liberado”. Eu amo o Catra. Eu e o Negão eramos grandes amigos, apesar do fato dele ter tido várias mulheres, sempre nos respeitávamos muito, sabe. Era uma amizade verdadeira. Se ele ficasse sem me ver por algumas semanas ele me ligava pra saber como eu estava… o Catra me ajudou muito no início da carreira. Enquanto eu ia de ônibus pra fazer os meus shows. Ele sempre acreditou e me dizia que eu iria conquistar essa mundão!”.

Quando vem o clipe de Furduncinho? O que você pode adiantar pra gente?

“Olha, eu estou no estúdio com os HitMakers faz um tempo, e tem muita música com eles pra vir, por sinal. A gente fechou uma parceria grande novamente… e assim como nós fizemos “Furduncinho” devagar, pra sair como desejávamos, assim será feito com o clipe também. Eu queria fazer como antigamente, sabe… solta a música, as pessoas ouvem, os fãs aprendem a letra, a rádio toca e o artista vai e finaliza com o clipe. Eu não quero algo passageiro, hoje em dia é tudo lançado de uma vez só por causa de streaming, mas eu queria algo real!“.

– Mas, então, vocês já gravaram o clipe ?

“Não, a gente vai gravar no final de Novembro e no final do ano sairá como presente de Natal para os fãs”.

– Você já tem o desenho dele pronto?

“Não, como disse antes, estamos fazendo algo bem pensado. Inclusive eu aceito sugestões dos fãs!”