anitta
A cantora carioca Anitta (FOTO: Reprodução)

Anitta deu uma entrevista reveladora de duas páginas no jornal O Dia neste domingo (dia 1º), falando sobre diversos assuntos. A cantora não fugiu de polêmicas e comentou sobre sua fama de brigona e a respeito da possibilidade de voltar a gravar uma música com Ludmilla (quem ela deixou de seguir recentemente no Instagram).

Para Anitta, a fama de que ela briga com “todos cantores com quem trabalha” não é real. “Todos os seres humanos têm a sua desavença ou suas complicações de relações com alguém, seja no trabalho ou na vida pessoal. O problema é que eu sou uma pessoa pública e as pessoas obviamente sempre dão mais enfase para as partes negativas do que as positivas. É impossível um ser humano nunca ter brigado com ninguém. Qualquer pessoa que esteja lendo essa entrevista já brigou com alguém. Pode já ter resolvido ou pode não ter resolvido e as coisas mudam. Se acontece em família, não vai acontecer no trabalho? Tem tantas pessoas que eu colaborei e continuo sendo amiga como o Projota, o J Balvin, o Kevinho, o Nego do Borel, o Maluma, a Jojo Todynho, Harmonia do Samba e tantos outros artistas com quem eu fiz parcerias e mantenho até hoje. Mas as pessoas vão dar ênfase aos poucos que porventura tenha acontecido algum desentendimento”, explicou.

A respeito de Ludmilla, Anitta afirma que “houve um ruído na comunicação”, que ela não brigou com ninguém e que por isso, ela aceitaria cantar novamente com a ex-amiga. “Eu não tenho motivo nenhum para que isso não aconteça. Eu não briguei com ninguém. Por mim está tudo certo. Eu canto. Está tudo ótimo”, ponderou.

A disputa pela autoria de “Onda Diferente”, contudo, estremeceu bastante a relação de Anitta com Ludmilla. Durante o Prêmio Multishow, Anitta não subiu no palco quando “Onda Diferente” venceu a categoria Música Chiclete. A faixa é considerada o maior sucesso do “Kisses”, álbum internacional de Anitta. Já Ludmilla não mencionou Anitta nos agradecimentos, embora a canção só tenha sido lançada pois Anitta acreditou no potencial da música. A Warner era contra o lançamento, quando “Onda Diferente” ainda era somente uma demo na voz de Ludmilla.

Ludmilla compôs a música sozinha, fato que Anitta reconhece publicamente. Porém, depois do lançamento, Ludmilla descobriu que o nome da colega estava creditado na autoria, fato que não havia sido combinado previamente segundo Ludmilla. Para que Snoop Dogg entrasse na música, Lud tinha aceitado ceder 50% dos créditos de composição para o rapper. De acordo com ela, não tinha nada acertado sobre direitos autorais para Anitta. A cantora do álbum “Kisses”, chegou a tuitar na época que seu nome aparecia nos créditos por causa do seu trabalho de produção ao lado de Papatinho.

Vale lembrar que é prática comum no mercado musical estrangeiro que produtores assinem os créditos de composição por participarem da produção da canção, fato que foi defendido pelo hitmaker Pedro Dash recentemente.

Para o produtor, o mundo fonográfico está em mudança constante, sendo necessário reconhecer que quem cria a melodia e batidas da faixa também tem direito nos créditos das canções.