anitta
A cantora fluminense Anitta (FOTO: Reprodução)

Dona de um dos shows mais bem avaliados no Brasil, Anitta cantou na virada de ano da cidade de Paulista, no estado do Pernambuco. Estava previsto também que ela fizesse um show em Jericoacoara, no Ceará – um dos destinos preferidos dos ricos e famosos nesta data. Porém, poucos dias antes, a apresentação acabou sendo cancelada.

De acordo com informações da colunista Fábia Oliveira, do jornal ‘O Dia’, o cancelamento teria acontecido por razões polêmicas. A organização do evento supostamente teria decidido desconvidar a cantora depois de uma série de exigências que foram consideradas absurdas. Além disso, a direção do evento teriam ficado insatisfeitos com o show dela no Ano Novo de 2018, considerando-o como “frio, desanimado e mal executado”.

Entre as supostas exigências da funkeira, que não constam no contrato, estaria o pedido para a reserva de 10 quartos no Hotel Essenzza para os seus amigos e familiares. O estabelecimento é o mais luxuoso de Jeri e tem diárias que podem chegar a R$ 40 mil.

VEJA TAMBÉM: MC Gui é acusado de maltratar outra criança com câncer

A empresa que administra a carreira de Anitta nega as informações e dá uma versão diferente para o cancelamento. A agência explicou, por meio de nota, que “o contratante do Réveillon de Jericoacoara não cumpriu com suas obrigações contratuais, estando inadimplente desde agosto com o cachê da cantora. Após inúmeras negociações registradas por e-mail, a Rodamoinho (empresa) decidiu, amparada pelo contrato, cancelar a participação da cantora no evento”.

O texto acrescenta: “A Rodamoinho cumpre com todas as clausulas contratuais e jamais solicitou hospedagem para amigos – pois este não é um padrão de negócios da produtora. O formato do contrato assinado foi discutido e acordado entre as partes, e segue os mesmos moldes do assinado ano passado, onde a cantora se apresentou neste mesmo evento na noite de Réveillon – não havendo nenhuma solicitação extra”.